Rosinha anuncia reforma administrativa e reduz secretarias



A Prefeita Rosinha Garotinho reuniu na manhã desta sexta-feira (10) o seu secretariado para anunciar o novo organograma da administração municipal, que passará a vigorar a partir de 1º de maio. Serão 10 secretarias, uma Companhia, o Instituto de Previdência, a Procuradoria Geral do Município e uma Fundação.

Na prática, o governo economizará mais de R$ 14 milhões por ano com o enxugamento da máquina administrativa. Segundo a prefeita, o estudo levou em consideração, além da economicidade, a funcionalidade e a necessidade de uma maior hierarquia para evitar duplicidade de funções.

Algumas secretarias foram transformadas em superintendências e passarão a atuar dentro da estrutura das secretarias que as incorporaram. A prefeita informou, também, que durante os próximos dias manterá conversas individuais com os atuais e futuros secretários e superintendentes, para que o novo ordenamento funcional da prefeitura se dê sem interrupção de projetos e ações do governo.

A nova estrutura da prefeitura contará com:

Procuradoria Geral do Município.

Secretaria Municipal de Fazenda.

Secretaria Municipal de Controle Orçamentário e Auditoria.

Secretaria Municipal de Saúde.

Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Cultura.

Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana.

Secretaria Municipal de Governo.

Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social.

Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico.

Secretaria Municipal de Desenvolvimento Ambiental.

Secretaria Municipal de Gestão de Pessoas e Contratos.

Previcampos.

Codemca.

Fundação Municipal de Saúde.

Gabinete da Prefeita.

Com informações do Campos 24 horas.

Sem comentários:

Enviar um comentário