Curso Livre de Teatro com apresentações no Trianon


Começa neste sábado (3), no Teatro Municipal Trianon, a curta temporada de encerramento das atividades de 2016 do Curso Livre de Teatro da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima.  No sábado, às 20h, será apresentado o espetáculo “Perdoa-me por Me Traíres”. No domingo (4), às 18h, o espetáculo infantil “Brinquedos” será a atração, seguido de “Perdoa-me por Me Traíres”, às 20h. Todas as apresentações terão entrada franca. 

Escrita em 1957, “Perdoa-me por Me Traíres” estreou no mesmo ano, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, tornando-se um dos maiores sucessos da obra de Nelson Rodrigues. 

A peça fala da história de Glorinha, jovem de 16 anos, que perde a mãe, assassinada por seu tio Raul. Objeto de desejo do tio, Glorinha é vigiada por ele, sob o pretexto de preservar sua castidade. Mas, conduzida por Nair, uma colega de escola, que é prostituta, conhece e se fascina pelo mundo dos bordéis, ao mesmo tempo em que prepara uma terrível vingança contra o tio. 

A encenação de “Perdoa-me por Me Traíres” será feita por Brendha Ribeiro, Bianca Andrade, Jeanny Soares, Stayce Ellen, Guilherme Pacheco, Jailton Dantas, Beatriz Agra, Bruna Lopes, Pedro Gasparini, Jasmine de Azevedo, Sílvia Helena Moraes Alves, Daniel Delgado, Daniel Souza, Igor Rodrigues, Bárbara Helena, Alessandro Martins, Clodoaldo Vieira, Savana Rocha, Taiane Lavigne, Priscila Pessanha, Letícia Alves, Maria Luiza Belo, Emille Rocha, Thainara Martins, Gabriel Soares, Valdiney Mendes, Marinete Ribeiro, Nikollas Motta, Jhonatan Sofia, Marcos Andre Cruz, Mara Santos e Robson Tavares. 

A montagem tem direção de Maria Helena Gomes e Neusinha da Hora, com supervisão de Fernanda Campos e Guilherme Freytas. A sonoplastia é de Marcos Sá, com iluminação de Rogério Pacheco. A peça tem classificação 12 anos.

Brinquedos – Inspirada e adaptada da peça “A Revolta dos Brinquedos”, a montagem trata com ludicidade, delicadeza e muito bom humor, um tema comum do universo infantil, que é exatamente, a relação de amor entre as crianças e seus brinquedos. A peça conta a história de uma menina, que, cansada dos antigos brinquedos, resolve ignorá-los e maltratá-los, substituindo-os por novos e modernos. Maltrata todos eles, principalmente sua bruxinha de pano.

– Queremos agradecer aos alunos da turma 2016 do Curso Livre de Teatro. Foram diversas montagens, corando um trabalho, que desde 2009, já recebeu cerca de 800 alunos, vindos de diferentes bairros e localidades do município. Hoje, além de atuarem na cena local e participarem de outros projetos culturais, muitos tornaram-se nossos colaboradores, ministrando oficinas para os alunos iniciantes – pontua a diretora do projeto, Maria Helena Gomes.   

Sem comentários:

Enviar um comentário